As fraudes mais comuns do e-commerce.

As fraudes mais comuns do e-commerce.

0 Comentários

Quem acompanha os artigos deste escritório já percebeu que uma das principais preocupações é justamente alertar sobre as questões que envolvem a segurança digital, sobre a necessidade de controle e cuidados com os dispositivos eletrônicos e com os dados e informações, principalmente os sensíveis, armazenados ou transmitidos pelos sistemas informáticos ou internéticos.

Estas preocupações têm razão de existir. A cada dia aumenta os casos de fraudes e, consequentemente, danos tanto às pessoas jurídicas quanto às pessoas físicas. E mesmo aquele que acredita que nada tenha que possa atrair a atenção de um cracker não está imune às ações dos criminosos cibernéticos. Muitas vezes a busca dos bandidos é aleatória e, como eles, em regra, nada tem a perder, a vítima sempre é quem vai sofrer o prejuízo, seja perdendo dados ou arquivos, seja perdendo dinheiro de alguma forma e por menor que seja a cifra.

Segundo o portal da revista Exame, pesquisa feita pela empresa de segurança digital CyberSource apontou as fraudes mais comuns no comércio eletrônico na América Latina em 2017, destacando-se a utilização indevida de cartões de crédito e o controle de computadores privados (sem que seus donos saibam) para obter dados alheios, enviar spams e acessar dispositivos.

Clicando aqui você pode acessar a matéria na íntegra.

Percebe-se claramente que as vítimas podem ser as grandes empresas financeiras ou administradoras de cartão de crédito, as grandes redes comerciais, mas, também, as pequenas lojas e os consumidores mais desatentos. Ainda que não haja imunidade completa para a atuação dos marginais da tecnologia, tomar certos cuidados, como não acessar redes desconhecidas, não carregar celulares com USB em locais públicos, ter atualizados programas, sistemas e anti-vírus, contribui para a diminuição dos riscos.

 

Imagem: stockvault.net

3

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *